Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]


Não me sinto entusiasmado por ir a Lisboa.
Os motivos que levam a fazer 900 km de autocarro são tristes: significam a miséria, o desespero, a depressão, a perda do amor-próprio, a dignidade.
E eu tenho medo de um dia destes ser como eles, não me assim muito longe disso infelizmente.
Por isso vou com um sentido de dever.
É preciso acabar com insanidade financeira do Neo-Liberalismo.
É preciso rever as parcerias publico-privadas.
É preciso emagrecer os cargos dirigentes de nomeação politica.
É preciso muita coisa, sobretudo coragem, para resolver os problemas.
É preciso que NÓS comecemos a protestar mais vezes, a intervir mai

Autoria e outros dados (tags, etc)